“Velho Chico” terá mais um grupo de discussão para se aproximar dos desejos do telespectador

A A A

velho09

 

Os responsáveis por “Velho Chico”, incluindo o diretor, autor e coordenação de produção, irão acompanhar nos próximos dias mais um grupo de discussão sobre a novela. O objetivo é identificar como o telespectador reagiu diante dos primeiros ajustes realizados na trama e o que ele espera da história de Benedito Ruy Barbosa. A Globo antecipou a pesquisa junto ao público para potencializar a trama das 21h.

Os produtores de “Velho Chico” já identificaram que boa parte das reclamações dos telespectadores envolve o ritmo da história, considerado lento, e a falta de romances nos núcleos principais. Muitos acreditam que será fundamental atenuar a fotografia das imagens e deixar a novela com jeito mais natural, com referências aos dias atuais. E este será o grande problema, afinal, Luis Fernando Carvalho faz questão de manter sua concepção artística e a liberdade para ajustar as cenas e os diálogos.

Benedito Ruy Barbosa já antecipou muitas situações e dedicará mais espaço para o triângulo amoroso formado por Maria Tereza, Santo e Luzia, incluindo a reação de Carlos Eduardo, o marido que vê seu casamento correr risco. Quem já viu os próximos blocos garante que essa parte da história promete envolver o telespectador já que grandes paixões e amores estarão em evidência. A aposta é que os números comecem a voltar para a casa dos 30 pontos.

Comente